Delfim Moreira – 10º Presidente da República do Brasil


08_Delfim Moreira copiar
O seu nome consta, ao lado dos de Octavio Meyer, Bernardo Monteiro de Carvalho, Nicolau José Rodrigues Torres, Paulo de Faro Fleury, João Fleming, José Faccio, Apolinário José dos Santos Mora, Manoel Fernandes Gomes e Cornélio Antônio Fernandes, como membro da diretoria instaladora da Loja “Atalaia do Sul”, a primeira a ser fundada, a 8 de agosto de 1898, em Santa Rita do Sapucaí (MG), na jurisdição do Grande Oriente do Brasil. Pertenceu à Loja “Belo Horizonte” e, provavelmente, nela foi iniciado.
Advogado, tendo cursado a Faculdade de Direito de São Paulo (1890), nasceu na cidade de Cristina, estado de Minas Gerais, em 7 de novembro de 1868. Foi juiz municipal em Santa Rita do Sapucaí, tornando-se vereador e presidente da Câmara Municipal (1893). Nomeado secretário do Interior de Minas Gerais (1902-1906) e presidente de Minas Gerais (1914-1918), elegeu-se senador estadual (1907-1909) e deputado federal (1909-1911), mas renunciou para retornar à Secretaria (1910-1914). Elegeu-se vice-presidente da República, em 1918, na chapa de Rodrigues Alves. Com a doença e posterior falecimento do presidente eleito, que não chegou a ser empossado, Delfim Moreira assumiu interinamente a presidência da República. Faleceu na cidade de Santa Rita do Sapucaí, estado de Minas Gerais, em 1º de julho de 1920.

FONTE: Biblioteca da Presidência da República; José Castellani